Transplante de Córnea


Transplante de Córnea H.OlhosO transplante de córnea é uma cirurgia na qual a córnea doente é substituída pela córnea de um doador. No H.Olhos é possível realizar o Transplante de Córnea, em três técnicas cirúrgicas:

 

  • Ceratoplastia lamelar: é o transplante da porção anterior ou posterior da córnea, indicado em casos de doenças que afetam a córnea em suas diferentes camadas.
  • Ceratoplastia penetrante: é o transplante que envolve toda a espessura da córnea. Indicado em casos de doenças que afetam todas as camadas da córnea.
  • Transplante de córnea a laser (Intralase®): é o transplante de córnea realizado por um laser com pulsos de energia de curta duração e altíssima velocidade- o laser de femtosegundo. Permite maior precisão na incisão corneana, pois utiliza o laser ao invés de lâminas, o que aumenta a segurança do procedimento.

 

Em 2012, o H.Olhos foi reconhecido, pela cidade de São Paulo, como o hospital que mais realizou transplante de córnea na grande São Paulo.

 

Quais são as indicações da cirurgia de transplante de córnea?

  • Traumatismos oculares: causados principalmente por acidentes de trabalho como a queda de ciscos nos olhos, pequenas perfurações, queimaduras com agentes químicos e outros. Para evitá-los é recomendável o uso de equipamentos e medidas de segurança.
  • Ceratocone: doença ocular com evolução gradual que deforma a córnea até que ela fique com o formato de cone. Esta doença causa diminuição da visão.
  •  Outras causas: a córnea também pode ser afetada por doenças congênitas , como a distrofia de Fuchs, e complicações após cirurgias oculares como a ceratopatia bolhosa, ambas podendo levar ao edema (inchaço) da córnea; além de doenças metabólicas ou degenerações de origem desconhecida.

 

Este transplante pode mudar a cor dos olhos?
Por ser um tecido transparente, o transplante de córnea não influência na cor dos olhos.

 

Qual o limite de idade para ser doador de córnea?
Conforme a legislação, o limite é de 2 a 80 anos.

 

Quem é doador?
Todas as pessoas podem ser doadoras. Porém, sempre é realizada uma análise sobre a causa da morte, idade e se há autorização familiar.

 

Mesmo que uma pessoa tenha qualquer deficiência nos olhos, ela pode ser doadora?
Antes do transplante a córnea é avaliada, portanto, mesmo que a pessoa tenha alguma doença nos olhos poderá ser doadora.

 

O que a pessoa deve fazer para ser doadora?
Para que a pessoa possa ser doadora de córnea, ela deve informar aos seus familiares seu desejo.

 

O receptor da córnea pode ter sua aparência alterada?
Não, pois a córnea é transplantada com técnicas cirúrgicas que não deixam qualquer vestígio.

 

É possível escolher para quem o doador destinará sua córnea?
Não é possível. A Lei de Doação de Órgãos estipulou uma lista única para cadastro de receptores, que deve ser seguida.

 

A cirurgia de transplante de córnea causa dor?
A cirurgia é feita sob anestesia local ou geral. Durante o procedimento cirúrgico o paciente não sente dor. Leve desconforto pode estar presente nos primeiros dias de pós-operatório.

 

Qual o tempo da cirurgia?
O tempo médio da cirurgia é de uma hora.

 

Orientações ao paciente:
Em caso de uso de lentes de contato, as mesmas deverão ser removidas no dia anterior à cirurgia.

 

Fale com um de nossos atendentes: atendimento online



Rua Abílio Soares, 218 - Paraíso - São Paulo - SP - Próximo à estação Paraíso do metrô - Central de Atendimento (11) 3050-3333