Central de Atendimento (11) 3050-3333


OUTROS EXAMES  

Topografia de córnea

Função / Indicação:
Exame destinado ao mapeamento topográfico do relevo da córnea para identificação precoce de doenças. Muito útil na adaptação de lente de contato, planejamento e avaliação nas cirurgias refrativas, cirurgias de catarata e transplante de córnea.

Como o exame é feito?
O aparelho projeta anéis luminosos na córnea, a captura da imagem é obtida por uma câmara de vidro e a análise desta informação é feita por computador que expõe os resultados por mapas de cores. Exame é realizado sem a instilação de colírios.

Orientações necessárias ao paciente
● Pacientes usuários de lente de contato devem suspender o uso das lentes cinco dias antes da realização do exame. Se o médico solicitante autorizar a realização do procedimento sem a suspensão das lentes de contato, essa informação precisa constar no pedido do exame.

Pascal – Tonometria de Contorno Dinâmico (Amplitude de Pulso Ocular)

Função / Indicação:
A Tonometria de Pascal é um método eletrônico direto (transcorneano), não-invasivo e contínuo de medida da pressão intraocular, que é pouco influenciado pela espessura ou elasticidade da córnea. Esse aparelho fornece ainda um outro parâmetro chamado de Amplitude de Pulso Ocular, que é uma medida contínua da perfusão ocular e reflete o fluxo sanguíneo correspondendo ao pulso cardíaco em função do tempo.

Como o exame é feito?
Esse equipamento possui um sensor eletrônico no centro de uma ponteira que registra a pressão intraocular 100 vezes por segundo, durante todo o ciclo cardíaco e fornece a Pressão Intraocular Diastólica Média e a Amplitude de Pulso Ocular. O aparelho é montado na lâmpada de fenda e fornece medidas automáticas que são mostradas em um visor de cristal líquido e exportados para visualização na tela do computador. Apresenta ainda um dispositivo em sua ponta que é descartável, minimizando o risco de contaminação e não usa colírio.

Orientações ao paciente
● Se for usuário de lente de contato, deve suspender o uso no dia do exame.

Exofalmometria

Função / Indicação:
É um exame utilizado para medir o grau de protusão do globo ocular. Sua finalidade é auxiliar no diagnóstico e acompanhamento de doenças orbitárias, tais como: tumores e hipertireoidismo.

Como o exame é feito?
É um exame simples, não invasivo, realizado ambulatorialmente em adultos e crianças. Através de uma régua ocular conseguimos medir a protusão ocular.

Orientação ao paciente
● Não precisa de dilatação.

Biometria Ultrassônica

Função / Indicação:
Exame realizado para medir o comprimento axial do olho e, com os dados de ceratometria corneana (curvatura da córnea), calcular o valor da lente intra-ocular (LIO) para implante em cirurgia de catarata. Indicado para pacientes com catarata, Implantes de lentes intra-oculares de câmara anterior, ou que precisam de avaliação do comprimento axial do olho.

Como o exame é feito?
O exame é realizado com uma sonda que é aplicada delicadamente à superfície corneana (exame de contato), emite sons numa alta freqüência que se propagam intra-ocularmente e são refletidos pelas estruturas com as quais se chocam.  Desta forma, pela freqüência de ondas que são refletidas e o tempo gasto, calcula-se a distância percorrida por estas.

Orientações ao paciente
● Usuários de lente de contato devem permanecer 3 dias sem utilizá-las.
● Devido ao contato da sonda a superfície ocular, utilizamos um colírio anestésico.
● Não existe a necessidade de vir acompanhado. O exame não envolve a dilatação.

Campimetria Computadorizada

Função / Indicação:
A Campimetria Computadorizada é utilizada para detectar e quantificar anormalidades no campo visual, assim como para monitorar a resposta ao tratamento clínico ou cirúrgico apresentada pelo paciente. Avalia os defeitos do campo visual causados por algumas doenças neurológicas. Um programa estimula com luz vários pontos retinianos e o paciente deve informar se percebe esses estímulos apertando um controle. Há múltiplas estratégias de teste, de acordo com a necessidade do examinador: estratégias convencionais, chamadas full threshold e as mais atuais como SITA, Blue/Yellow e Mira vermelha.

É indicado nos casos de diagnóstico e acompanhamento de pacientes com neuropatias, glaucoma, algumas alterações retinianas e de plástica ocular.

Como o exame é feito?
Exame indolor, que consiste na apresentação de estímulos luminosos em diferentes regiões do campo de visão, para que sejam percebidos pelo paciente. É um método que depende fundamentalmente da informação do paciente.

Orientações ao paciente
● Usuários de lentes de contato podem fazer o exame utilizando-as.
● Pacientes externos devem trazer a última receita dos óculos.
● Se usar colírio Pilocarpina: entrar em contato com o médico para saber se pode suspender 3 dias antes do exame.

Microscopia Especular de Córnea

Função / Indicação:
O exame fotografa as células da camada mais interna da córnea, conhecida como endotélio, permitindo a análise quantitativa e qualitativa destas (formato, tamanho, número de células). Utilizado em pré-operatório de cirurgias intra-oculares em geral, tais como na cirurgia de catarata, de glaucoma, de transplante de córnea, assim como nas doenças propriamente ditas da córnea. A grande importância desse método é permitir uma avaliação do provável comportamento da córnea perante uma agressão cirúrgica.

Como o exame é feito?
Exame indolor, que fotografa as células da camada mais interna da córnea.

Orientações ao paciente
● Usuários de lente de contato devem suspender o uso no dia do exame.

Orbscan

Função / Indicação:
É um exame que proporciona a análise de todas as camadas da córnea, simultaneamente: avaliação de curvatura, medida de diâmetro, elevações e espessura corneana. O exame também faz a avaliação da profundidade da câmara anterior. É indicado para pacientes candidatos a cirurgia refrativa, de catarata, tratamento clínico ou cirúrgico da córnea.

Como o exame é feito?
Imagens são capturadas sem o contato direto ao olho do paciente. Se existir a necessidade, as imagens podem ser capturadas novamente.

Orientações ao paciente
● Pacientes usuários de lente de contato devem suspender o uso da lente 5 dias antes do exame.

Paquimetria ultrassônica

Função / Indicação:
Exame para medir a espessura da córnea através de um feixe focalizado de ultrassom. Utilizado em casos de glaucoma, ceratocone, cirurgia refrativa, edema de córnea e várias outras doenças que podem ocasionar alteração na espessura corneana.

Como o exame é feito?
A paquimetria é um exame indolor, de rápida execução e não altera a visão. Geralmente não necessita de acompanhantes. O paciente deve estar sem óculos ou lentes de contato. Para a realização da paquimetria é necessária a instilação de uma gota de colírio anestésico. O paciente deve fixar o olhar no ponto determinado pelo médico para que, com uma sonda ultrassônica, sejam feitas as medidas da espessura corneal.

Orientações ao paciente
● Usuários de lente de contato devem suspender o uso 5 dias antes do exame.
● Para crianças com baixa colaboração e portadores de deficiências especiais, esse exame pode ser realizado sob narcose. No momento do agendamento, é questionada a real indicação médica.

Acuidade Visual a Laser e Pan

Função / Indicação:
Exame que avalia o potencial de visão do paciente. É realizado principalmente em pacientes que irão submeter-se a cirurgia de catarata. Este exame antecipa ao paciente o nível de expectativa que poderá ter em relação à melhora de visão após a cirurgia, em casos de catarata.

Como o exame é feito?
O examinador acende um letreiro luminoso onde aparecem letras ou números que o paciente deve ler. É um exame indolor em que a dilatação da pupila facilita a sua realização.

Orientações ao paciente
● Exame realizado com dilatação pupila, por esse motivo orientamos que venham acompanhados.
● Se for usuário de LC: suspender o uso no dia do exame, mas deve trazê-las.

Teste de Sensibilidade ao Contraste

Função / Indicação:
Este teste analisa a qualidade da visão em diferentes níveis de iluminação. Uma redução da acuidade de contraste pode ocorrer em várias doenças oculares, como doenças da córnea, catarata, e doenças degenerativas da retina.

Como o exame é feito?
Exame indolor, realizado em ambiente com baixa iluminação e que exige muito da colaboração do paciente. Iniciamos o exame, pedindo para o paciente ler na tabela as menores letras possíveis e na segunda etapa, pedidos para o paciente distinguir os estímulos em listras projetados.

Orientações ao paciente
● Trazer os óculos mais recentes.
● Usuários de lente de contato devem fazer o exame com a lente.

Estereofoto da papila

Função / Indicação:
É a fotografia da papila ou disco óptico. Serve para acompanhar a evolução de pacientes com glaucoma ou com suspeita de ter a doença, para pacientes com edema de papila ou com quaisquer outras alterações no nervo óptico.

Como o exame é feito?
É um exame rápido e indolor, porém a luz forte pode incomodar um pouco o paciente.

Orientações ao paciente
● Obrigatória a presença de acompanhante devido a dilatação pupilar.
● Durante o exame, são realizadas fotografias repetidas do fundo de olho que utilizam flash e podem causar desconforto e fotofobia temporária durante o exame.
● Suspender LC no dia do exame.

Mapeamento de retina

Função / Indicação:
Esse exame é fundamental e o mais utilizado para o diagnóstico e acompanhamento dos problemas da retina, pois permite a visão detalhada, minuciosa e exaustiva de toda a superfície retiniana. Ele deve ser realizado em todas as pessoas pelo menos uma vez ao ano, pois vários problemas de retina só se manifestam clinicamente em estádios avançados e esse exame permite o diagnóstico precoce das alterações causadas por uma série de doenças.

Como o exame é feito?
O médico projeta uma luz no fundo de olho do paciente e sua imagem refletida é observada através de uma lente segurada pelo médico.

Orientações ao paciente:
● Aconselhamos ir acompanhado em virtude da dilatação da pupila.
● Paciente usuário de LC deve retirá-la no momento do atendimento.

Teste de Teller

Função / Indicação:
teste de Teller permite quantificar a visão da criança, ao estudar a forma como os olhos dela se dirigem para os materiais apresentados.

Como o exame é feito?
O teste de Teller baseia-se na observação das crianças que tendem a olhar mais para uma tela com listras pretas e brancas do que para uma superfície homogênea. O examinador sempre começa o exame pelo cartão sugerido para a idade da criança. São mostrados cartões com listras cada vez mais estreitas, até que a criança não manifeste nenhuma preferência. As menores listras percebidas pela criança correspondem à sua acuidade visual. Observa-se, através de um orifício localizado no meio do cartão, o movimento que a criança realiza para fixar um lado ou o outro. Às vezes é necessário realizar mais de um teste, principalmente em bebês muito pequenos.

Orientações ao paciente
● Trazer o óculos mais recente.
● Usuário de LC: pode fazer o exame com lentes ou trazer no estojo.

Teste ortóptico

Função / Indicação:
O teste ortóptico analisa tanto a movimentação ocular quanto a percepção de estímulos visuais, permitindo caracterizar de maneira mais detalhada a ocorrência de estrabismo, nistagmo e de outras condições correlatas.

Como o exame é feito?
No teste ortóptico é feita uma avaliação do alinhamento ou desvio ocular em todas as posições do olhar. Também são realizados testes sensoriais da visão binocular (uso simultâneo dos olhos) e suas funções, como, por exemplo, a percepção simultânea das imagens, a visão estereoscópica (visão em terceira dimensão). Os exercícios ortópticos são indicados pelo ortoptista após a realização do teste e podem ser feitos no consultório e/ou em casa, conforme a orientação do profissional.

Orientações ao paciente
● Trazer o óculos mais recente.
● Usuário de LC: pode fazer o exame com lentes ou trazer no estojo.

Ultrassonografia / Ecografia

Função / Indicação:
Exame utilizado para o diagnóstico de várias doenças, como descolamento de retina, hemorragias, luxação de cristalino, lesões inflamatórias, sendo indispensável na definição de tumores intra-oculares.

Como o exame é feito?
O exame é totalmente indolor e é realizado com uma sonda em contato com a pálpebra fechada do paciente. O paciente é informado a movimentar os olhos para que as diferentes regiões oculares possam ser examinadas.

Orientações ao paciente
● Suspender LC no dia do exame

Biomicroscopia de Fundo

Função / Indicação:
É parte integrante do exame de rotina e permite a inspeção das estruturas do segmento posterior com excelente aumento e iluminação adequada.

Como o exame é feito?
A biomicroscopia de fundo é realizada com o paciente sentado no aparelho –lâmpada de fenda – e o médico utiliza uma lente de contato especial, provida de espelhos.

Orientações ao paciente
● Vir acompanhado, pois o exame envolve a dilatação pupilar.

Fundoscopia

Função / Indicação:
O exame analisa o nervo óptico e a retina. Permite detectar lesões ocasionadas pelo glaucoma, outras doenças do nervo óptico e pelas doenças da retina.

Como o exame é feito?
O paciente é sentado em um ambiente escurecido para evitar miose (constrição da pupila) despertada pela luz. O exame é efetuado com o aparelho oftalmoscópio que permite observar, através da pupila, as estruturas internas do olho.

Orientações ao paciente
● Vir acompanhado, pois o exame envolve a dilatação pupilar.

Gonioscopia

Função / Indicação:
É um exame que utiliza lentes especiais apoiadas sobre a córnea, permitindo o estudo do ângulo da câmara anterior (onde a íris encontra-se com a córnea). É essencial na avaliação e no tratamento de pacientes com ou suspeitos de glaucoma.

Como o exame é feito?
Na lâmpada de fenda, com auxílio da lente de Goldmann, é avaliado o ângulo da câmara anterior. Exame realizado SEM a dilatação pupilar e a utilizando colírio anestésico.

Orientações ao paciente
● Exame realizado sem dilatação.

Teste para Adaptação de Lente de Contato

A adaptação de lentes é um ato médico porque envolve um exame oftalmológico completo para indicar ou não, prescrever o tipo mais indicado, adaptar e controlar o uso das lentes.
As lentes de contato podem ser gelatinosas ou rígidas, para correção óptica, terapêutica ou estética. Elas facilitam a prática de esporte e melhoram a qualidade de vida do usuário.

As lentes gelatinosas podem ser de uso contínuo ou descartável. Tanto as gelatinosas como as rígidas são feitas com diferentes composições e diferentes métodos de fabricação, cabendo ao oftalmologistas indicar a mais adequada às condições do olho do usuário.

Orientações ao paciente:
Nem todo mundo pode usar ou é bom candidato ao uso de lentes de contato. É o oftalmologista quem deve determinar quem pode usar. O médico estuda as condições de saúde dos olhos do paciente, o grau e a curvatura da lente a ser adaptada, bem como o melhor tipo de lente a ser indicada.
As lentes de contato não deixam de atuar como um corpo estranho dentro do olho e, em caso de má orientação, podem causar danos. A segurança no seu uso depende da supervisão do oftalmologista.

Teste de Schimer

Função / Indicação:
Utilizado para avaliar a produção de lágrimas. Um fita de papel é posicionada na pálpebra inferior e mede-se o quanto ele é umedecida. Indicado para olho seco.

Como o exame é feito?
Uma pequena dobra de fita de papel é colocada sob a pálpebra inferior e o comprimento da fita umedecida é medido.

Teste de Rosa Bengala

Função / Indicação:
Exame avalia o grau de desvitalização das células da superfície da córnea e da conjuntiva pela baixa proteção do filme lacrimal. Indicado para paciente com olho seco.

Como o exame é feito?
Exame realizado através da instilação de colírio de um corante chamado Rosa Bengala.

Teste de Ishirara

Função / Indicação:
Teste para analisar a percepção das cores. Indicado para doenças congênitas como daltonismo, doenças do nervo óptico e doenças adquiridas na mácula.

Como o exame é feito?
O exame consiste na exibição de uma série de cartões coloridos, cada um contendo vários círculos feitos de cores ligeiramente diferentes das cores daqueles situados nas proximidades. Seguindo o mesmo padrão, alguns círculos estão agrupados no meio do cartão de forma a exibir um número que somente será visível pelas pessoas que possuem visão das cores. Ao todo são exibidas 32 placas para identificação dos algarismos ocultos entre os círculos. O número de acertos pode variar conforme o grau e o tipo de daltonismo.

Tonometria de Aplanação

Função / Indicação:
Mede a pressão intra-ocular, fundamental para o diagnóstico de glaucoma e controle da resposta aos colírios para tratamentos.

Como o exame é feito?
A medição mais precisa é realizada como o tonômetro de Goldmann, acoplado na lâmpada de fenda, com a utilização de corante (fluoresceína) e colírio anestésico.

◄ Voltar para exames oculares